Nova Geração estreia no mercado de caminhões

Iniciamos 2019 com todos os esforços centralizados na fabricação, comercialização e entrega da Nova Geração de Caminhões Scania. Mas o que a empresa espera neste novo ano para o mercado de caminhões? Em entrevista, Silvio Munhoz, diretor Comercial, fala sobre a perspectiva de venda e qual setor poderá adquirir mais modelos da nova máquina. Confira:
 
1 – Qual a projeção da Scania para o mercado de caminhões?
R. Estamos com uma projeção extremamente positiva para 2019. Fatores decisivos como a estabilidade da economia e sua tendência de crescimento e a previsão de nova safra recorde já estão contribuindo para o aquecimento da compra de caminhões, especialmente de pesados. O mercado como um todo vive a expectativa de que as reformas prometidas pelo governo federal acontecerão. Especialmente, da previdência e fiscal. Caso saiam do papel vão impactar positivamente a economia, e isto irá reativar ou aquecer os segmentos que são consumidores de caminhões pesados, entre eles a construção civil e a indústria.

2 – A empresa está confiante que a demanda será maior neste ano?
A indústria andou de lado em 2018, um crescimento pequeno, e tem potencial enorme de crescimento para este ano. O crescimento do PIB, de 2,5 a 3%, pelas projeções, criará a necessidade de transportes de mercadorias tanto para as indústrias quanto das indústrias para o mercado. Somando a esse cenário macro positivo, estamos confiantes no desempenho da nossa Nova Geração de caminhões, e, por isto a Scania acredita que em 2019 o mercado de caminhões em que atua, acima de 16 t (semipesados e pesados), deverá crescer entre 10% e 20% na comparação com 2018.
   
3 – Além do agronegócio, o que motivará a compra de caminhões neste ano?
R. De fato, a agricultura e o transporte de grãos, pelo menos no caso da Scania, continuarão protagonistas na encomenda de caminhões exatamente como terminaram em 2018. Da Nova Geração de Caminhões Scania clientes ligados à agricultura já encomendaram mais de 1 mil unidades para o transporte de grãos em 2019. E a maior parte não é aumento de frota e sim renovação, por isto acreditamos que continuarão havendo encomendas destes dois segmentos ao longo do primeiro semestre de 2019.

Silvio Munhoz, diretor Comercial, fala sobre as perspectivas do mercado de caminhões para 2019

Post Author: scania Brasil